Irã: Nobel Shirin Ebadi pede a liberação dos manifestantes

A Prêmio Nobel iraniana Shirin Ebadi pediu nesta segunda-feira a liberação de todos os manifestantes detidos após as eleições no Irã, em declaração à imprensa sul-coreana.

AFP |

"Precisamos acabar com a violência e todas as pessoas detidas após as eleições devem ser liberadas", declarou Ebadi em entrevista ao Dong-A Ilbo.

Ebadi, advogada, defensora dos direitos humanos e ganhadora do Prêmio Nobel da Paz de 2003, chegou sábado a Seul para cumprir uma visita de seis dias durante a qual receberá o Prêmio Manhae da Paz 2009, que leva o nome do budista reformista do início do século XX.

Quase 30 pessoas morreram nos distúrbios com as forças de segurança no Irã, após a controversa reeleição do presidente ultraconservador Mahmud Ahmadinejad nas eleições de 12 de junho passado.

Dois mil manifestantes foram detidos, mas a maioria já foi liberada sob fiança.

lim/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG