Irã negocia com Rússia compra de armas para modernizar sistema de defesa

Moscou, 16 fev (EFE).- O ministro da Defesa iraniano, general Mustafa Mohammed Nayar, chegou hoje a Moscou para negociar a compra de armas, em particular dos modernos sistemas de defesa aérea com mísseis S-300, informaram hoje fontes militares na Rússia.

EFE |

O militar e seu colega russo, Anatoli Serdiukov, manterão nesta terça-feira negociações para "repassar alguns assuntos correntes e de perspectiva nas relações bilaterais em nível ministerial", disse o porta-voz do ministro russo, Alexei Kuznetsov.

Outras fontes militares ressaltaram que Nayar, durante a visita, que continuará na quarta-feira, deve manter conversas com dirigentes do monopólio russo de venda de armas, Rosoboronexport, e visitar uma empresa da indústria de guerra.

"As negociações de Nayar em Moscou se centrarão na cooperação militar e técnica bilateral. Espera-se que a parte iraniana volte a levantar a necessidade de cumprir o contrato para o fornecimento de sistemas de defesa antiaérea russos S-300", disse um funcionário à agência "Interfax".

A fonte não descartou que, durante a visita, seja estudada a assinatura de novos contratos de venda de armas russas, assim como de serviços de manutenção dos 29 sistemas de defesa aérea de curto alcance Tor-M1, que Moscou vendeu anteriormente a Teerã.

A Rússia negou em várias ocasiões, a última em dezembro, que esteja fornecendo ao Irã sistemas de mísseis S-300, similares aos Patriot americanos, que são capazes de acompanhar e abater vários alvos simultaneamente a diferentes alturas, com um alcance de até 200 quilômetros. EFE si/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG