Irã está fabricando mais 7 satélites, diz agência

TEERÃ (Reuters) - Um ministro iraniano disse na quinta-feira a uma agência de notícias local que o país está produzindo mais sete satélites, menos de duas semanas depois de ter lançado o primeiro deles ao espaço. Potências ocidentais viram com preocupação o lançamento do satélite de pesquisas e comunicações Omid, no dia 3, já que o foguete usado para isso pode eventualmente servir também para transportar ogivas nucleares. O Irã, no entanto, nega a intenção de desenvolver armas atômicas, e diz que tanto seu programa nuclear quanto o programa de satélites são pacíficos.

Reuters |

O ministro das Telecomunicações, Mohammad Soleimani, disse à agência Fars que os cientistas iranianos estão produzindo mais sete satélites, mas não disse quando eles podem ser lançados.

"Desses satélites, quatro são para uso em baixa altitude e com peso inferior a 100 quilos. Três outros satélites capazes de operar um pouco abaixo dos 36 mil quilômetros (de altitude) também estão sendo construídos por cientistas iranianos."

O mesmo ministro disse na semana passada que mais quatro satélites estavam sendo desenvolvidos. Não ficou claro se os sete citados por ele agora incluem aqueles quatro da semana anterior.

Solemani também disse à Fars que o Omid ("esperança", em farsi) está desempenhando bem a sua missão. A imprensa estatal antes dissera que o Omid voltaria à Terra com dados depois de passar um a três meses em órbita. "O satélite Omid (...) é um dos maiores efeitos do país", disse o ministro.

Reza Taghipour, diretor da agência espacial iraniana, disse à edição de quinta-feira do jornal Khorassan que o Irã também está dando os passos iniciais para lançar uma missão tripulada ao espaço, mas deixou claro que isso ainda vai demorar anos.

(Reportagem de Hashem Kalantari)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG