Irã escolhe locais de dez novas usinas de enriquecimento de urânio

O Irã identificou locais potenciais para a implantação de dez novas usinas de enriquecimento nuclear e a construção de duas delas deve ter início ainda neste ano, informou uma autoridade nuclear nesta segunda-feira.

Reuters |

"Nós selecionamos aproximadamente 20 localidades e enviamos o relatório desses ao presidente, no entanto, esses locais são apenas potenciais", disse Ali Akbar Salehi, diretor da Organização de Energia Atômica do Irã, segundo a agência de notícias Isna.

"Devemos dar início à construção de duas das unidades de enriquecimento no próximo ano. Nas novas usinas pretendemos usar novas centrífugas." O próximo ano iraniano começa no dia 21 de março.

Salehi disse que os locais propostos foram escolhidos em áreas montanhosas remotas ao redor do país para protegê-los de ataques. "Essas usinas serão construídas de forma que sejam preservados de qualquer ataque", afirmou.

O Irã anunciou planos em novembro para construir dez novas usinas de enriquecimento que se juntariam ao complexo Natanz, já existente. A decisão foi anunciada no momento em que os Estados Unidos e seus aliados esperavam chegar a um acordo para que o Irã enriquecesse seu urânio no exterior.

Analistas dizem que Israel, inimigo do Irã que atacou um reator iraquiano em 1981, poderia tentar bombardear qualquer unidade no futuro.

Washington teme que o programa nuclear do Irã permita que Teerã desenvolva armas nucleares. O Irã nega tais intenções, dizendo apenas que quer gerar eletricidade.

Analistas têm dúvidas de que o Irã, que atualmente sofre de sanções internacionais e teria problemas para obter materiais e componentes no exterior, poderia se equipar para operar dez novas usinas.

Eles veem as declarações do Irã de que essas usinas estarão funcionando em poucos anos como um blefe em sua disputa nuclear com o Ocidente.

Salehi disse que o presidente Mahmoud Ahmadinejad anunciaria no dia 9 de abril que tipo de centrífugas seriam usadas nas novas usinas.

Os Estados Unidos e seus aliados esperam impor novas sanções das Nações Unidas ao Irã nas próximas semanas por seu trabalho continuado no enriquecimento de urânio.


Veja o infográfico

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: irã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG