Irã diz que receios nucleares do Ocidente são apenas políticos

Teerã, 15 dez (EFE).- O presidente da Organização Iraniana de Energia Atômica (OIEA), Ali Akbar Salehi, qualificou hoje de estritamente políticos os receios da comunidade internacional sobre o polêmico programa nuclear de Teerã.

EFE |

"Eles se atribuíram a autoridade de determinar o que é correto e incorreto, mas só levantam a voz quando algo ataca seus interesses", afirmou Salehi em entrevista à televisão estatal.

"No entanto, como podemos ver, preferem se manter em silêncio quando se trata de assuntos de direitos humanos, como os massacres de palestinos em Gaza", acrescentou.

Salehi criticou também o Ocidente por utilizar duas medidas para questões nucleares, pois para ele outros países como Paquistão, Índia e Coreia do Norte "realizam testes com armas nucleares e não permitem inspeções e só o Irã é ameaçado com sanções".

Grande parte da comunidade internacional, com os Estados Unidos à frente, acusa o regime iraniano de ocultar, sob um programa nuclear civil, outro de natureza clandestina e aplicação bélica cujo objetivo seria a aquisição de armas atômicas, o que Teerã nega. EFE jm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG