Irã diz que americanos detidos entraram sem visto no Curdistão

TEERÃ - Uma autoridade local na província iraniana de Curdistão disse nesta terça-feira que os três cidadãos americanos detidos na fronteira entre Irã e Iraque tinham entrado ilegalmente no território iraniano.

EFE |

Iraj Hassanzadeh, responsável do governo do Curdistão, disse à agência "Mehr" que estas três pessoas foram detidas na sexta-feira passada ao entrar de forma clandestina na cidade fronteiriça de Marivan.

"Estas três pessoas, dois homens e uma mulher, tinham vistos para os países do Iraque e da Síria", disse Hassanzadeh, acrescentando que a documentação dos detidos e suas próprias declarações mostram que são de nacionalidade americana.

A autoridade local iraniana acrescentou que ainda não se sabe os motivos da entrada ilegal dos detidos ao Irã.

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: irã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG