Irã disposto a treinar a polícia afegã

O chefe da polícia iraniana, o general Esmail Ahmadi Moghadam, declarou nesta segunda-feira que seu país está disposto a treinar a polícia afegã, mas negou que esteja mantendo conversações com a Otan para uma possível cooperação com as forças estrangeiras no Afeganistão.

AFP |

Pela primeira vez em quase 30 anos, o Irã e a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) mantiveram contatos em março passado através de um diplomata iraniano e um representante do secretário-geral da Aliança Atlântica em sua sede em Bruxelas, conforme indicou, em 26 de março, um dirigente da Otan.

Um embaixador iraniano teria visitado a sede da Otan pela primeira vez desde a queda do regime do xá e da proclamação da República Islâmica em dezembro de 1979, indicou esta fonte.

No entanto, Ahmadi Moghadam afirmou que não existe qualquer conversa com a Otan sobre uma cooperação direta com as forças estrangeiras no Afeganistão.

O Irã participou na recente conferência internacional sobre o futuro do Afeganistão realizada em 31 de março de Haia, para a qual foi convidado oficialmente pelos Estados Unidos.

aet-sgh/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG