Irã confirma morte de 53 peregrinos em atentado no Iraque

Teerã, 23 abr (EFE).- Pelo menos 53 iranianos morreram hoje em um atentado suicida na localidade iraquiana de Moqdadiya, cerca de 60 quilômetros a norte de Bagdá, informaram fontes oficiais em Teerã.

EFE |

Em sua maioria, as vítimas eram peregrinos que iam à cidade iraquiana de Karbala, considerada o berço do Xiismo, como revelou Mohamad Taghi Hellizade, responsável pelo departamento de peregrinações do Governo iraniano.

"Os números que temos dizem que há 53 mortos e dezenas de feridos iranianos", assegurou.

Em declarações à agência oficial de notícias local "Irna", o funcionário anunciou também que seu país enviará helicópteros e outros recursos para levar ao Irã os feridos.

O atentado ocorreu no começo da manhã quando detonou o cinto de explosivos que levava junto ao corpo na entrada de um famoso restaurante turístico próximo à cidade de Baquba, muito frequentado por peregrinos iranianos.

Embora nenhum grupo tenham assumido a autoria do atentado, tudo aponta que pode ser responsabilidade de grupos radicais sunitas vinculados ideologicamente à rede terrorista internacional Al Qaeda.

EFE jm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG