Irã celebra discretamente aniversário do Exército

O Irã celebrou neste sábado com discrição a festa anual das Forças Armadas, em um contexto de pedidos de diálogo por parte dos Estados Unidos e apesar das ameaças de algumas autoridades israelenses contra as instalações nucleares de Teerã.

AFP |

O presidente Mahmud Ahmadinejad abriu o tradicional desfile militar em Teerã com um discurso surpreendentemente breve e moderado, no qual evitou qualquer referência às grandes potências.

Ele não fez ameaças de cortar as mãos dos "agressores", como fizera em 2006 e 2007, em uma advertência implícita a Israel e Estados Unidos.

Desta vez Ahmadinejad apresentou as Forças Armadas como "garantias da segurança da região". Também afirmou que a nação iraniana está disposta a uma ampla participação na gestão do mundo e ao estabelecimento da segurança baseada na justiça em diferentes lugares do planeta.

O tom moderado está em acordo com a posição do governo do presidente americano Barack Obama.

hif-fphn-pcl/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG