Irã apresenta novos avanços militares e dá detalhes sobre último míssil

Teerã, 24 mai (EFE).- O Exército iraniano anunciou hoje que equipou seus navios de guerra com canhões antiaéreos de 40 milímetros e que construiu um novo modelo de helicóptero de combate.

EFE |

Além disso, deu novos detalhes sobre o míssil de longo alcance que testou na quarta-feira passada, capaz de atingir alvos situados a mais de dois mil quilômetros de distância.

Em comunicado, o ministro da Defesa iraniano, general Mustafa Mohamad Najjar, explicou que o canhão foi desenvolvido integralmente no Irã.

Horas antes, o Exército iraniano tinha apresentado um novo modelo de helicóptero de combate, também desenvolvido e construído "totalmente no Irã".

A aeronave, chamada Shahed 285, é armada e possui uma grande autonomia de movimento.

Najjar também explicou que o míssil Sekhil II, lançado com sucesso na quarta-feira na região central do Irã, é um dos maiores avanços conseguidos pela indústria militar nacional, apesar das sanções que pesam sobre o país.

"O míssil foi criado com o objetivo de conseguir precisão. Ele é equipado com sensores de direção e controle muito sensíveis e avançados", declarou o ministro à rede de televisão local "PressTV".

"O combustível sólido, unido às duas fases com motores independentes, o permitem conseguir muita altura. Por isso, tem um alcance maior do que outros modelos", acrescentou.

O Irã sofre desde a década de 1980 com um estrito embargo internacional de armas.

Mesmo assim, de 1992 em diante o país conseguiu desenvolver uma importante indústria militar nacional com a qual modernizou seu Exército, um dos maiores da região. EFE jm/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG