Irã alerta imprensa local sobre notícias sobre oposição

Dúzias de ativistas pró-reformistas já foram presos e condenados a longos períodos na prisão nas últimas semanas

Reuters |

Mídias impressas no Irã serão fechadas se publicarem notícias sobre a oposição, disse uma alta autoridade do Estado iraniano, segundo um site da oposição na Internet. A declaração representa mais um ato de repressão contra a liberdade de expressão na República Islâmica. 

Dúzias de ativistas pró-reformistas já foram presos e condenados a longos períodos na prisão nas últimas semanas. Segundo analistas, a medida tem como objetivo eliminar a oposição contra o presidente Mahmoud Ahmadinejad, que foi reeleito em uma polêmica eleição no ano passado.

"As publicações que divulgarem declarações e fotos de líderes da oposição serão alertadas e então fechadas se continuarem a fazê-lo", disse um alto representante do Ministério da Cultura, Ehsan Ghazizadeh, que supervisiona a mídia nacional, em comentários publicados por outra mídia no Irã.

O Ministério da Cultura supervisiona as atividades da mídia local e estrangeira da República Islâmica.

Mais de uma dúzia de publicações pró-reformistas e sites na Internet já foram fechadas desde as eleições presidenciais de junho de 2009, dificultando o contato entre os líderes da oposição --os candidatos derrotados Mirhossein Mousavi e Mehdi Karoubi-- e a população iraniana.

    Leia tudo sobre: IRãMIDIAALERTA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG