IPCC diz que Brasil está em posição única sobre mudança climática

Brasília, 11 jun (EFE) - O economista indiano Rajendra Pachauri, presidente do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), disse hoje em Brasília que o Brasil está em uma posição única e privilegiada em relação ao meio ambiente, pois possui um tesouro global, como a Amazônia.

EFE |

Ele qualificou a região como tendo "importância vital" para o planeta.

Segundo Pachauri, por essa razão "é compreensível que todo o mundo esteja olhando para o Brasil, para ver o que faz para reduzir o desmatamento".

O economista indiano pediu hoje em Brasília que os líderes do mundo tenham uma visão "global e de longo prazo" sobre o meio ambiente.

"Se não fizermos todos, as próximas gerações nos condenarão pelo que não foi feito", afirmou Pachauri, presidente do organismo que, em 2007, ganhou o Prêmio Nobel da Paz, junto com Al Gore, por sua contribuição à conscientização sobre a mudança climática.

Pachauri discursou em uma sessão comemorativa da Semana do Meio Ambiente e disse que todos os países devem apostar em modelos de desenvolvimento sustentável como "única via" para combater os efeitos da mudança climática e do reaquecimento global.

O economista indiano chegou a Brasília para participar de uma conferência sobre Comunicação e Sustentabilidade, na qual, amanhã, também discursará o bengalês Muhammad Yunus, conhecido como o "banqueiro dos pobres", promotor do microcrédito no mundo e ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2006. EFE ed/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG