Investigadores descartam que avião da Air France tenha explodido em pleno voo

Paris, 2 jul (EFE).- Os especialistas do Escritório de Investigações e Análises (BEA, em francês) da França, que tentam esclarecer o acidente do Airbus que caiu no mar quando fazia a rota entre o Rio de Janeiro e Paris, em 1º de junho, descartam que o aparelho tenha explodido em pleno voo.

EFE |

Esta é uma das conclusões do relatório sobre o acidente que a BEA apresenta hoje, em entrevista coletiva, na qual anunciou também que continuará a busca pelas caixas-pretas do aparelho até o próximo dia 10. EFE pi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG