Investigação sobre causas da tragédia do A330 perto do objetivo

O Escritório de Investigação e Análise (BEA) da França anunciou nesta quarta-feira que está próximo do objetivo na investigação para compreender as causas do acidente do Airbus A330, que fazia o voo entre Rio de Janeiro e Paris no dia 1º de junho, no qual morreram 228 pessoas.

AFP |

"Levando em consideração todo o trabalho que foi realizado e tudo o que temos, penso que talvez nos aproximamos de fato um pouco do objetivo", declarou Paul-Louis Arslanian, diretor do BEA.

"O objetivo é compreender o que aconteceu", completou.

Arslanian concedeu uma entrevista coletiva en Le Bourget, sede do organismo responsável pela investigação técnica sobre o acidente do voo AF447 entre Rio e Paris.

"Fazemos o melhor possível e é muito difícil. Estamos fazendo o máximo para recuperar tanto os registros de voo como os corpos. Não podemos dizer atualmente em que teremos êxito", completou.

"É quase certo que o avião não poderá ser recuperado por inteiro", acrescentou Arslanian.

O BEA é o único organismo na França que realiza as investigações técnicas para determinar as causas do acidente de um avião.

clp-bh/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG