Inundações matam ao menos 15 pessoas em uma semana no Peru

LIMA (Reuters) - Ao menos 15 pessoas morreram na semana por inundações no sudeste do Peru devido às fortes chuvas que destruíram dezenas de casas na região, disseram autoridades nesta quinta-feira. O temporal ocorre em várias localidades rurais da região de Cusco, maior atrativo turístico do Peru, que registra chuvas há várias semanas.

Reuters |

"Ontem (quarta-feira) morreram sete pessoas que estavam trabalhando na limpeza do rio e foram surpreendidas pelo aumento rápido do rio", disse à Reuters por telefone o diretor de Defesa Nacional de Cusco, Luis Ballón.

A autoridade afirmou que há informações oficiais de desaparecidos, mas testemunhas dizem que outras sete pessoas foram arrastadas pelas correntes. "Brigadas da defesa civil e da polícia estão buscando mais vítimas", acrescentou.

Na segunda-feira, outras oito pessoas morreram após o transbordamento do rio Qusermayo em Taray, a cerca de 1.100 quilômetros de Lima.

Em fevereiro, milhares de turistas ficaram ilhados por dias em uma localidade próxima a Machu Picchu, em Cusco, devido às fortes chuvas que destruíram a principal via de acesso à região.

(Reportagem de Marco Aquino)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG