Inundações em região indiana de Bengala deixam pelo menos 25 mortos

Nova Délhi - Pelo menos 25 pessoas morreram na região oriental indiana de Bengala nos últimos três dias devido a inundações causadas pelas intensas chuvas de monção, informou hoje uma fonte oficial.

EFE |

O primeiro-ministro de Bengala, Buddhadeb Bhattacharjee, citado pela agência "PTI", qualificou a situação no distrito de West Midnapur, um dos mais atingidos pelas chuvas, de "muito ruim".

Mais de dois milhões de pessoas foram atingidos pelo aumento do volume dos rios e pelas fortes chuvas na região, afirmou o "PTI".

EFE
Vilarejos foram destruídos pelas chuvas
 Por outro lado, o magistrado de Midnapur, N.S.Nigam, informou que 15 das vítimas mortais procediam da área de West Midnapur, onde as inundações já atingiram mais de 160 mil pessoas, das quais 35 mil foram realojadas em acampamentos provisórios pelas autoridades.

"As equipes de resgate ainda não puderam localizar muitas pessoas, já que a administração não pôde chegar a algumas áreas remotas como Sabong, Pingla e Narayangarhy Keshpur", disse Nigam segundo a agência "Ians".

Segundo uma fonte de Defesa, cerca de 200 membros do Exército foram postados na região para resgatar os afetados e fornecer alimento e material de ajuda.

A monção, um fenômeno meteorológico que afeta a Índia entre julho e setembro, causa anualmente inúmeras mortes no país, além de destruir muitas colheitas e inundar campos agrícolas e outras propriedades, especialmente nas regiões do nordeste do país.

Leia mais sobre: inundações

    Leia tudo sobre: índia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG