Manila, 12 set (EFE).- As autoridades filipinas informaram hoje que são 11 os mortos e 36.

000 os deslocados pelas inundações e deslizamentos de terra ocorridos esta semana no norte do país.

Em nota, a Defesa Civil também informou que há três desaparecidos na província de Ilocos, na ilha de Luzon, onde aproximadamente 365.000 pessoas de 347 aldeias e 31 cidades foram afetadas pela tempestade tropical "Maring".

Hoje, o Serviço Nacional de Meteorologia informou que uma nova tempestade, com rajadas de vento de até 55 km/h, deve chegar neste fim de semana à ilha de Luzon, o que deve piorar a situação nas áreas já alagadas.

A cada ano, dezenas de pessoas morrem nas Filipinas em decorrência das enchentes e deslizamentos de terra provocados pelas tempestades que se formam durante a estação chuvosa, que começa em maio e termina em dezembro.

Cerca de 20 ciclones costumam passar pelo país nesse período, causando mortes e prejuízos materiais consideráveis. EFE mfr/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.