Inundações deixam pelo menos 20 mortos e 315.000 desabrigados nas Filipinas

Manila, 15 jan (EFE).- Inundações causadas por fortes chuvas que atingem as regiões sul e leste das Filipinas deixaram pelo menos 20 mortos e 314.

EFE |

846 desabrigadas, informaram hoje fontes oficiais.

A maior parte das vítimas fatais perdeu a vida afogada ou sepultada por desabamentos, enquanto os outros morreram em acidentes de outro tipo.

O Conselho Coordenador de Desastres Naturais das Filipinas aumentou os prejuízos provisórios para até 75,6 milhões de pesos (US$ 1,6 milhão), dos quais quase dois terços correspondem ao setor agrícola e o resto a infra-estruturas.

As escolas permanecem fechadas nas localidades mais afetadas e os navios amarrados em portos.

O prefeito Constantino Jaraula, da localidade de Cagayan de Oro, que fica a cerca de 820 quilômetros de Manila, confirmou seu apelo às autoridades e às ONGs para que forneçam água, comida e roupa aos desabrigados.

Jaraula culpa da catástrofe as explorações de minas irresponsáveis e a poda incontrolada de árvores.

Uma pessoa morreu hoje e outra foi dada por desaparecida no vale de Compostela, na região de Cagayan, por causa de um deslizamento de terra que aconteceu por volta do meio-dia, afirma a Polícia. EFE zm/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG