Inter vence Catania e dispara na liderança do Italiano

Redação Central, 28 jan (EFE).- A Inter de Milão venceu o Catania por 2 a 0, na Sicília, em jogo válido pela 21ª rodada do Campeonato Italiano e disparou na liderança da competição.

EFE |

O time treinado por José Mourinho saiu na frente logo aos cinco minutos do primeiro tempo. O atacante argentino Julio Cruz cruzou na medida para o sérvio Stankovic, que completou de cabeça.

Já aos 26 do segundo tempo, o sueco Zlatan Ibrahimovic recebeu na área e tocou com tranquilidade no fundo do gol de Bizarri.

A Inter ainda jogou a maior parte do tempo com um homem a menos.

O meia ganês Muntari foi expulso aos 32 da etapa inicial e deixou o campo reclamando muito.

Mourinho escalou dois brasileiros entre os titulares: o goleiro Júlio César e o lateral-direito Maicon. Já o lateral-esquerdo Maxwell entrou no segundo tempo.

O atacante Adriano cumpriu o primeiro jogo de sua suspensão pelo soco ao zagueiro Daniele Gastaldello, da Sampdoria.

Com a vitória, a Inter foi a 49 pontos e voltou a conseguir uma vantagem confortável na liderança.

Isto porque a Juventus foi surpreendida pela Udinese, por 2 a 1, no estádio Friuli.

O atacante Fabio Quagliarella marcou o primeiro dos donos da casa aos 20 minutos do primeiro tempo, enquanto Antonio Di Natale ampliou aos 29 da etapa final.

Vicenzo Iaquinta ainda descontou para a Juventus aos 32, de pênalti.

A Udinese quebrou o jejum de dez partidas sem vitória no Italiano. A equipe não vencia desde novembro.

Já os comandados de Claudio Ranieri, que somam 43 pontos, viram a distância para a Inter aumentar.

O Milan, por sua vez, empatou em 1 a 1 com o Genoa, no San Siro, após deixar a vitória escapar nos minutos finais.

O meia David Beckham abriu o placar aos 33 do primeiro tempo, marcando seu segundo gol pela equipe.

No entanto, o argentino Diego Milito empatou para os genoveses aos 42 da segunda etapa. O atacante é o vice-artilheiro da competição, com 14 gols.

Com o empate, as duas equipes permanecem na zona de classificação à Liga dos Campeões. O Milan é o terceiro, com 41 pontos, seguido pelo Genoa, que soma 37.

A Roma deixou de lado a polêmica com o lateral-direito Christian Panucci e venceu o Palermo por 2 a 1, no Estádio Olímpico da capital italiana.

O capitão Francesco Totti abriu o placar aos 23 do primeiro tempo. Os visitantes empataram aos 31, com Cavani, após passe do meia Fabio Liverani.

O gol da vitória saiu pouco antes do intervalo, quando Brighi completou, de cabeça, um cruzamento de Totti.

A vitória levou a Roma à quinta posição, com 36 pontos. EFE plc/rd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG