Integração entre governantes é indispensável perante COI, diz Nuzman

Rio de Janeiro, 24 jul (EFE) - Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) disse à Agência Efe que a candidatura do Rio de Janeiro à sede dos Jogos de 2016 tem a integração entre os Governos como um dos trunfos para vencer a disputa. A cidade é uma das finalistas eleitas pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), ao lado de Madri, Tóquio e Chicago. Os Governos federal, estadual e municipal têm uma integração enorme com o COB. Os Jogos Pan-Americanos de 2007 foram uma demonstração inequívoca não só do apoio financeiro, mas também do logístico.

EFE |

Estamos lado a lado, em especial, com o presidente da República", disse o dirigente, que também preside o Comitê Rio 2016.

Para Nuzman, "essa integração é muito importante, pois é indispensável hoje perante o COI ter ações e parcerias junto dos Governos".

As declarações foram concedidas em um hotel da zona sul do Rio de Janeiro, durante a apresentação da Casa Brasil, espaço dedicado à divulgação do país em Pequim durante os Jogos Olímpicos. EFE plc/rd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG