A franco-colombiana Ingrid Betancourt não sofre de febre amarela ou malária, pois foi vacinada contra as doenças em março de 2001, anunciou o marido da política ao iniciar uma viagem pela Colômbia.


Juan Carlos Lecompte se reuniu com um dos médicos franceses da missão enviada pelo presidente deste país, Nicolas Sarkozy, e entregou o histórico clínico de Betancourt.

De acordo com o histórico clínico da esposa, Ingrid foi vacinada contra as doenças em 2001 e as vacinas têm vigência até 2011.

"O médico ficou muito feliz porque isto significa que ela não padece destas doenças", disse o marido da política, seqüestrada pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia em 23 de fevereiro de 2002.

Nesta quarta-feira, Lecompte chegou à capital do departamento de Guaviare, onde segundo boatos a esposa foi vista no início do ano.

Ele afirmou que pretende buscar informações sobre a mulher na região de florestas da Colômbia.

Veja também:


Leia mais sobre: Ingrid Betancourt


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.