Índia procura avião militar desaparecido com 12 pessoas

Nova Délhi, 10 jun (EFE).- As forças de segurança indianas retomaram hoje as buscas por um avião com 12 militares a bordo que desapareceu nesta terça-feira nas cercanias da fronteira com a China, informou hoje uma fonte militar.

EFE |

O aparelho, um bimotor AN-32 das Forças Aéreas, desapareceu ontem pouco depois de decolar de uma base avançada na região nordeste indiana de Arunachal, cuja soberania também é reivindicada pela China.

"Dois helicópteros Cheetah estão trabalhando para localizar o avião desaparecido. Mas o mau tempo está impedindo a operação de buscas. Ontem à noite usamos aparelhos de visão noturna, mas sem resultado", disse à agência indiana "Ians" uma fonte militar.

A fonte, que pediu anonimato, assegurou que não foi estabelecido nenhum contato com o aparelho após seu desaparecimento dos radares, por isso as Forças Aéreas o declararam "desaparecido", mesmo com o temor de que tenha caído.

O aparelho decolou da base de Mechuka, situada no distrito de Siang Ocidental, que faz fronteiro com o Tibete, e desapareceu por volta das 14h locais de terça-feira (5h30 de Brasília) com 12 pessoas a bordo, entre elas os dois pilotos. EFE daa/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG