Incertezas na Europa derrubam bolsas na Ásia

O tumulto financeiro que atingiu a Europa no final de semana provocou a queda das bolsas asiáticas nesta segunda-feira. Os principais índices asiáticos recuaram mais de 3 pontos percentuais - e a previsão é de as bolsas na Europa sigam a mesma tendência de queda acentuada.

BBC Brasil |

O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio fechou o pregão em queda de 4.2% - o menor índice registrado em quatro anos.

O índice Hang Seng de Hong Kong recuou 3.4% e os os mercados na China, Austrália e Índia também caíram.

A bolsa de Londres abriu o pregão em queda - o índice FTSE registrou recuo de quase 5%, enquanto em Frankfurt o Dax caía 3%.

Em Paris, as ações registraram queda de quase 5%.

Reação
Essa foi a primeira sessão das bolsas asiáticas depois da aprovação, no Congresso americano, do plano de resgate de US$ 700 bilhões apresentado pelo governo.

Mas a preocupação com relação aos efeitos da crise econômica aumentou no final de semana depois que o governo da Alemanha anunciou um plano para resgatar o banco Hypo Real Estate - o segundo maior provedor de hipotecas do país - que estava à beira da falência.

Além disso, o banco francês BNP Paribas concordou em comprar 75% das operações do grupo Fortis na Bélgica e em Luxemburgo.

Em troca, os governos da Bélgica e de Luxemburgo passarão a ter uma participação acionária minoritária no BNP Paribas. O braço holandês do Fortis foi nacionalizado pelo governo da Holanda.

Leia mais sobre a crise financeira

    Leia tudo sobre: bolsas asiáticascrise nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG