Cerca de 17.000 pessoas tiveram de deixar suas casas na região de Kelowna (Columbia Britânica, oeste do Canadá), devido ao avanço dos incêndios que devastaram até agora mais de 300 hectares, indicaram neste domingo os Bombeiros.

Ao menos nove casas foram destruídas pelas chamas, uma estrada foi interditada e 6.500 casas foram evacuadas. Ainda não há informações sobre possíveis mortos, acrescentaram.

Hoje, as autoridades enviaram mais 89 bombeiros para apoiar os esforços dos 45 já no local, a cerca de 350 km de Vancouver.

Sete helicópteros e oito aviões estão sendo usados para lutar contra o fogo, alimentado pelas altas temperaturas e os ventos fortes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.