Incêndios de verão queimam 1,5 mil hectares na Grécia

Em 2007, incêndios deixaram 60 pessoas mortas e centenas de casas destruídas

EFE |

AP
Bombeiro tenta controlar chamas no vilarejo de Mikrochori, região norte de Atenas
Atenas - Cerca de 1,5 mil hectares de floresta foram queimados pelos primeiros incêndios declarados deste verão na Grécia, que já foram controlados, exceto um foco que permanecia ativo nesta madrugada perto de Atenas, informaram fontes dos bombeiros.

Nas primeiras horas deste domingo, mais de 300 bombeiros e uma centena de soldados combatiam os focos de incêndio ativos em uma floresta ao nordeste de Atenas. Um porta-voz dos bombeiros afirmou à Agência Efe que 61 veículos e 42 caminhões-pipa, auxiliados por quatro aviões e três helicópteros, trabalham para apagar os primeiros incêndios florestais deste ano, que começaram neste sábado.

Os 90 focos declarados desde a manhã de sábado até a madrugada deste domingo, inclusive vários em áreas ao leste de Atenas, deixaram cerca de 1,5 mil hectares de floresta carbonizados e duas casas danificadas. A Defesa Civil emitiu máxima alerta para o risco de novos incêndios neste domingo, devido às altas temperaturas e aos fortes ventos previstos para o leste do país, inclusive Atenas, as ilhas de Eubea (perto de Atenas) e Creta, assim como as do resto do mar Egeu.

No verão de 2007, mais de 60 pessoas morreram, centenas de casas foram destruídas e 20 mil hectares de floresta e terras cultiváveis foram queimados na Grécia por causa dos inúmeros incêndios da estação, alguns deles criminosos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG