Incêndio florestal deixa 300 turistas presos em estrada no Peru

Lima, 22 set (EFE) - Um incêndio florestal de intensidade média na estrada ferroviária que leva à cidade inca de Machu Picchu, no sudeste do Peru, deixou presos cerca de 300 turistas, muitos deles estrangeiros, informou a imprensa local. Os viajantes estavam no quilômetro 88 da ferrovia que leva à cidade de Cuzco com Machu Picchu porque o Instituto Nacional de Recursos Naturais (Inrena) bloqueou a passagem de trens pela presença de incêndios florestais na região, de acordo com Radio Programas del Perú (RPP). O incêndio teve início domingo na altura do quilômetro 88 da ferrovia e a 20 quilômetros da cidadela inca, escolhida como uma das novas sete maravilhas do mundo, informaram à Agência Efe fontes do Inrena. O incêndio é de intensidade média. Está controlado na parte superior, e na parte inferior não se sabe como avança, acrescentou uma funcionária do Inrena.

EFE |

Desde o último fim de semana, foram reportados cerca de dez incêndios florestais nas proximidades da rota, mas o de hoje é considerado o de maior proporção, segundo fontes policiais citadas pela "RRP". EFE wat/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG