Um incêndio em um lar de idosos na cidade russa de Podyeysk, na República de Komi, matou 23 pessoas neste sábado, segundo informações preliminares de autoridades locais. O porta-voz do centro de emergências regional do noroeste, Grigory Gorbunov, disse à agência de notícias russa Itar-Tass que 26 idosos moravam no local, mas três foram evacuados.

Segundo Gorbunov, o fogo começou por volta das 18h20 no horário de Moscou (13h20 em Brasília) e as causas do incêndio ainda não estão claras. O porta-voz disse que o socorro foi chamado "tarde demais".

"Está claro que o corpo de bombeiros foi chamado tarde demais e o fogo havia se alastrado pela maior parte do prédio quando os bombeiros chegaram", disse Gorbunov à agência russa.

Nos últimos anos houve vários casos de incêndios em prédios de instituições administradas pelo governo na Rússia. Em muitos casos, autoridades foram acusadas de negligência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.