Incêndio destrói píer histórico de 104 anos na Grã-Bretanha

Um incêndio destruiu um píer histórico de 104 anos de idade em Weston-super-Mare, no sudoeste da Grã-Bretanha nesta segunda-feira. Dezenas de bombeiros tentaram apagar o incêndio que se espalhou pelo píer de madeira no início da manhã.

BBC Brasil |

Ninguém ficou ferido, mas a grande coluna de fumaça negra e as chamas eram visíveis de longe.

O píer tinha sido comprado recentemente por milhões de libras pelos irmãos Michelle e Kerry Michael em fevereiro de 2008.

Os irmãos transformaram o píer em uma atração turística e tinham acabado de investir 1 milhão de libras (cerca de R$ 3 milhões) para reformar o local.

Reinaugurado
O píer tinha sido reaberto em abril de 2008 depois da reforma. A primeira inauguração ocorreu em 1904. Um incêndio destruiu o local em 1930. Três anos depois, o píer foi reinaugurado.

"Há indicações de que existiam frigideiras profissionais na área, onde acreditamos que o fogo tenha começado. (...) Nossas investigações vão se concentrar naquela área", afirmou o chefe dos bombeiros Kevin Pearson.

Os bombeiros acrescentaram que não há risco de colapso da estrutura.

"Há muita água (no píer) e parece que tudo está sob controle. Acreditamos que as fundações estão seguras", disse Stephanie Mounsey, da Brigada de Incêndio e Resgate de Avon.

Donos de hotéis próximos ao píer contaram que ouviram explosões durante o incêndio.

"(O píer) É parte de nossa identidade e se o perdermos, irá afetar o comércio", disse Dee Williams, do hotel Grande Atlantic, próximo ao local do incêndio.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG