Imprensa espanhola confirma morte do presidente do Gabão

O presidente do Gabão, Omar Bongo, morreu nesta segunda-feira em uma clínica privada de Barcelona, segundo fontes próximas citadas pela imprensa espanhola, que havia desmentido as primeiras informações sobre o falecimento.

AFP |

"O presidente do Gabão, Omar Bongo, faleceu às 14H00 (12H00 GMT) na Clínica Quirón Barcelona, onde estava recebendo tratamento contra um câncer", anunciou o jornal local La Vanguardia, que cita "fontes do entorno presidencial".

A agência de notícias Europa Press também informou sobre a morte de Bongo citando "fontes próximas a seu entorno".

Na noite de domingo, uma fonte próxima do governo francês havia anunciado à AFP a morte do presidente, aos 73 anos, no poder há 41.

Mas o primeiro-ministro do Gabão, Jean Eyeghe Ndong, afirmou na manhã desta segunda-feira que o presidente "está vivo", informação ratificada por fontes diplomáticas espanholas.

De acordo com as autoridades gabonesas, Omar Bongo foi hospitalizado na clínica de Barcelona há alguma semanas para um check-out de rotina, mas outras fontes procuradas pela AFP revelaram que o presidente estava em estado grave e lutava contra um câncer.

esb/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG