Imperadores japoneses evitarão Pearl Harbour em sua viagem ao Havaí

Tóquio, 3 jul (EFE).- Os imperadores japoneses iniciaram hoje uma viagem de 15 dias que os levará ao Canadá e Havaí (EUA), onde evitarão passar por Pearl Harbour, palco em 1941 do ataque japonês que envolveu os Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial.

EFE |

Após sua viagem pelo Canadá, o imperador Akihito e a imperatriz Michiko permanecerão três dias no arquipélago do Havaí, onde se reunirão com a numerosa comunidade de origem japonesa que vive nesse Estado.

Apesar de a imprensa japonesa ter ventilado a possibilidade, o casal não visitará Pearl Harbour, na ilha havaiana de Oahu, cujo bombardeio por parte do Japão desembocou na participação dos EUA na Segunda Guerra Mundial.

No entanto, os imperadores farão uma oferenda no Cemitério do Pacífico, onde jazem mais de 20 mil soldados norte-americanos, incluindo os mortos no ataque de Pearl Harbour e oficiais do Exército americano de origem japonesa.

As visitas, que têm como objetivo promover as boas relações do Japão com o Canadá e os EUA, serão organizadas sob a supervisão de médicos para velar pelo estado de saúde de Akihito e Michiko, de 75 e 74 anos, respectivamente. EFE jmr/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG