IML de Recife identifica 11 corpos do Airbus da Air France

São Paulo, 21 jun (EFE).- O Instituto Médico Legal (IMC) de Recife (PE) identificou hoje os primeiros 11 dos 50 corpos resgatados do Airbus da Air France que caiu no oceano Atlântico com 228 pessoas a bordo.

EFE |

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco afirmou este domingo que legistas já identificaram 11 dos 49 corpos que se encontram no prédio.

O outro corpo resgatado deve chegar este domingo ao Recife em uma embarcação que transporta também restos da aeronave, que caiu em 1º de junho no litoral brasileiro.

Os nomes das vítimas não foram divulgados, mas o IML informou que são dez brasileiros - cinco mulheres e cinco homens - e um estrangeiro do sexo masculino.

Em comunicado, a Polícia Federal (PF) informou que notificou sobre a identificação dos corpos às famílias e à embaixada do país, no caso do estrangeiro.

A identificação seguiu as diretrizes da Interpol (Polícia internacional) para vítimas de desastres e atende às normas gerais para os 32 países, incluindo o Brasil, que têm vítimas no voo AF447, que fazia o trajeto Rio de Janeiro-Paris.

O trabalho de identificação foi acompanhado por Lynn Aspinall, representante da Interpol e especialista em desastres coletivos, e pelo legista francês Alain Sanvoisin, que assinaram as atas do IML.

As autoridades brasileiras esperam ainda mais informações coletadas com os parentes dos ocupantes estrangeiros.

A Força Aérea Brasileira (FAB) anunciou hoje que o avião-radar R-99 deixará de ser utilizado, pois a área do acidente já foi localizada. EFE wgm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG