Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Imigrantes recebem apoio especial em Madri para se regularizar

Madri, 28 nov (EFE).- Mais de quatro mil mulheres imigrantes aprenderam a encontrar emprego e a regularizar sua situação na Espanha graças ao tratamento personalizado e aos cursos de formação a que tiveram acesso em um centro sócio-laboral de Madri.

EFE |

No centro, criado em 2004 pela Federação das Mulheres em Igualdade, os imigrantes também se informam sobre os costumes espanhóis, os recursos a seu alcance, seus direitos e inclusive sobre como denunciar caso sofram violência doméstica, explicou hoje a coordenadora do projeto, Pilar Ortiz.

Segundo Ortiz, o projeto atende majoritariamente a latino-americanas, sobretudo equatorianas, embora também haja marroquinas e mulheres do leste europeu, que buscam emprego no setor hotelaria, serviços de limpeza e supermercados.

O centro dispõe de sua própria rede de empresas para facilitar a integração das mulheres no mercado de trabalho e de um departamento especialmente dedicado a resolver os casos mais urgentes, entre eles os de mulheres que sofrem violência doméstica. EFE lp/rr

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG