Imigrantes comemoram processo contra lei do Arizona

A notícia foi recebida em frente à Casa Branca, com aplausos e abraços entre a delegação de um grupo de hispânicos do Arizona

EFE |

Grupos hispânicos e pró-imigrantes comemoraram hoje o processo que o Governo apresentou contra a lei SB1070 do Arizona como um "primeiro passo" para frear iniciativas similares e encorajar mais apoio à reforma migratória.

A notícia foi recebida no parque Lafayette, em frente à Casa Branca, com aplausos e abraços entre a delegação de um grupo de hispânicos do Arizona que há 78 dias fazia vigílias de protesto em Phoenix contra a lei e que reuniu centenas de pessoas e ativistas como Dolores Huerta e a cantora Shakira.

O aplauso partilhado se manifestou em comunicados como o de Frank Sharry, diretor do grupo pró-imigrante America's Voice, que assegurou que se o processo prosperar, "o caso pode passar a ser um momento fundamental da história dos direitos civis dos EUA.".

Outros consideraram a ação legal "uma clara mensagem" às leis locais e estaduais que tentam imitar o Arizona, segundo Ali Noorani, presidente do Fórum Nacional de Imigração.

O processo do Executivo argumenta que o estado assumiria ilegalmente competências migratórias que correspondem ao Governo federal com uma lei (a SB1070) que exige que a Polícia local prenda pessoas sob suspeita de estarem ilegais.

Além de alertar sobre os obstáculos que geraria esta legislação a agências federais, o Governo pede ao juiz que suspenda de forma preliminar sua entrada em vigor, prevista para 29 de julho.

    Leia tudo sobre: imigrantes.leiArizoana

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG