Ilha italiana recebeu quase 800 imigrantes em 12 horas

Roma, 31 jul (EFE) - Cerca de 800 imigrantes chegaram a bordo de nove barcos às costas de Lampedusa nas últimas 12 horas, o que causou um colapso no centro de acolhida temporária da ilha (sul da Itália). O maior grupo, com 339 pessoas - entre elas 47 mulheres e quatro crianças -, chegou à ilha ainda de madrugada e o barco no qual viajavam conseguiu entrar diretamente no porto sem ser visto inicialmente. Outra embarcação, na qual viajavam 34 imigrantes, chegou no começo da manhã à praia de Cala Croce. O diretor da Repartição Operacional da Marinha, Francesco Galipo, disse ao canal de televisão Sky Tg24 que o estado de saúde dos imigrantes é discretamente bom. A onda de desembarques provocou o colapso do centro de acolhida, que tem capacidade para 700 pessoas e onde atualmente estão 1.600 imigrantes.

EFE |

O Ministério do Interior italiano ordenou a transferência urgente a outros centros de acolhida de 400 imigrantes, que será realizada na sexta-feira com um avião Lockheed C-130 Hércules. EFE ccg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG