Ike volta para o mar de Cuba

O olho do furacão Ike deixou a terra cubana e voltou ao mar do Caribe na região de Júcaro, ao sul da província central de Ciego de Ávila, onde pode ganhar força antes de voltar a tocar a ilha.

AFP |

"No mar vai voltar a se intensificar, pois ao se afastar em águas quentes pode se organizar mais, antes de girar ao norte e voltar a território cubano", disse o diretor de previsões do Instituto de Meteorologia, José Rubiera.

O especialista afirmou que o furacão tem ventos máximos de 155 km/h (categoria 2 na escala Saffir-Simpson que vai até 5).

O Ike entrou em território cubano na noite de domingo, passando pelas províncias orientais de Holguín, Las Tunas e Camagüey.

Treze das 14 províncias cubanas - incluindo Havana - foram colocadas em estado máximo de preparação - alerta ciclônico - por parte da Defesa Civil. Quase 1,5 milhão de pessoas foram evacuadas.

cb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG