Ike segue em direção ao Texas após devastar o Caribe

O furacão Ike está se dirigindo rumo ao estado americano do Texas nesta quarta-feira, depois de ter deixado mais de 100 mortos no Caribe.

AFP |

Segundo o Centro Nacional de Furacões americano (NHC), a tempestade ainda pode ser notada no oeste de Cuba com fortes ventos e chuvas, dois dias depois de ter tocado a terra no país.

Às 9h GMT desta quarta-feira, o olho de Ike estava a 200km a norte da ponta oeste de Cuba, avançando a quase 130 km/h.

Nas águas quentes do Golfo do México, a tempestade começou a ganhar força, com ventos de 140 km/h (categoria um) e, segundo o NHC, pode voltar a se tornar um furacão muito poderoso.


Ike pode se fortaceler no Golfo do México / AP

Devastação no Haiti

No Haiti, três dias depois da passagem do furacão Ike, o balanço é de 101 mortos na cidade de Gonaïves.

Em Cuba, Ike deixou quatro mortos e atingiu dezenas de milhares de pessoas. Além disso, 2,6 milhões tiveram de deixar suas casas, alguns povoados ficaram debaixo d'água, várias casas e prédios desabaram e extensas áreas de cultivo foram arrasadas.

Leia mais sobre Ike

    Leia tudo sobre: ike

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG