Igreja paraguaia diz respeitar eleição de Lugo

Assunção, 21 abr (EFE).- Os membros da Conferência Episcopal do Paraguai (CEP) afirmaram hoje que respeitam a vitória do ex-bispo católico Fernando Lugo nas eleições de domingo e que aguardarão a postura do Vaticano sobre o status do presidente eleito.

EFE |

O anúncio da CEP foi feito após uma reunião dos membros do órgão eclesial para analisar a situação de Lugo, que renunciou ao seu estado clerical em dezembro de 2006 para se dedicar à política, tendo sido suspenso pelo Vaticano.

O bispo Adalberto Martínez disse a jornalistas que os membros da Conferência Episcopal respeitam "o presidente eleito do Paraguai" e manterão "as relações de colaboração entre a Igreja paraguaia e o Estado".

Martínez explicou que a CEP espera que Lugo, por meio da Nunciatura em Assunção, defina sua situação com o Vaticano antes de 15 de agosto, data na qual o ex-prelado tomará posse. EFE rg/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG