Iemenita encontrou quinta esposa para Bin Laden

LONDRES - Um iemenita foi o encarregado de procurar para o líder da rede terrorista Al-Qaeda, Osama bin Laden, quem seria sua quinta esposa, uma menina jovem, religiosa e obediente, informa neste domingo o jornal britânico The Sunday Times.

EFE |

O jornal entrevistou Sheikh Rashad Mohammed Said Ismael, o assessor de Bin Laden que encontrou uma mulher cuja relação com o líder da Al-Qaeda deveria servir para cimentar as relações com o Iêmen.

Segundo o iemenita, a menina, que foi entregue ao chefe terrorista em 2000, devia ser "religiosa, obediente, generosa, bem educada, calada, calma e suficientemente jovem para que não sentisse ciúme de suas outras esposas".

Ismael, também conhecido como Abu al-Fida, conhecia uma mulher que cumpria essas características em sua cidade natal de Ibb, no sudoeste do país, chamada Amal al-Sadah, então com 18 anos e filha de um funcionário.

"Desde a tenra idade, era religiosa e espiritualizada e acreditava nas coisas que Bin Laden - um homem muito religioso e espiritualizado - também acreditava", disse o iemenita ao "Sunday Times".

Além disso, acrescenta, vinda de uma família modesta, ela podia se adaptar bem à vida nas cavernas e também não se importava de casar com um homem da idade do pai dela - Osama tinha então 43 anos -, porque sabia que obedecer ao marido significaria "um lugar no céu".

Um ano antes dos atentados de 11 de Setembro de 2001 nos Estados Unidos, Fida convenceu a jovem e sua família do casamento e iniciou os preparativos para levá-la ao Afeganistão, seguindo as instruções de Bin Laden, que lhe deu US$ 5 mil - uma grande quantia no Iêmen - para comprar joias à prometida.

A família da jovem e a de Fida também receberam milhares de dólares pela colaboração, explica a fonte ao jornal.

Leia também:

AP

Foto de abril de 2008 e duas novas projeções de Osama bin Laden

Foto de 1998 e duas novas projeções de Osama bin Laden

Leia mais sobre Osama bin Laden  e terrorismo

    Leia tudo sobre: bin ladenterrorismo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG