Iêmen e EUA construirão centro de reabilitação para presos de Guantánamo

Sana, 11 set (EFE).- As autoridades do Iêmen e dos Estados Unidos decidiram a construção de um centro de reabilitação em Sana para os presos iemenitas que estiveram presos na base americana de Guantánamo (Cuba), informou hoje o Ministério da Defesa iemenita.

EFE |

Segundo o site do ministério, o projeto, que será financiado pelo Governo de Washington, tem o objetivo de ajudar os detentos que tenham passado por esse centro de detenção americano a se integrar na sociedade iemenita.

As autoridades iemenitas se encarregarão dos aspectos culturais, psicológicos e intelectuais da reabilitação, enquanto a Administração americana financiará a construção do centro e suas equipes.

Segundo uma lista divulgada no ano passado pelo Exército americano, há 107 iemenitas em Guantánamo, mas organizações pró-direitos humanos do Iêmen elevam esse número para 150. EFE ja/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG