Iêmen: cinco alemães e um britânico sequestrados há seis meses estão vivos

Cinco alemães, entre eles três crianças, e um adulto britânico, capturados há seis meses no Iêmen, estão vivos, declarou nesta quinta-feira o vice-primeiro-ministro iemenita da Defesa e da Segurança, Rached al-Alimi.

AFP |

"Estamos de posse de informações seguras segundo as quais os reféns estão vivos", afirmou durante entrevista à imprensa em Sanaa, consagrada à campanha de luta antiterrorista realizada pelas autoridades.

"Segundo as informações de que dispomos, houve uma divisão de tarefas nesta operação (de sequestro) entre os Houthis (os rebeldes xiitas do norte do país) e a Al-Qaeda", assegurou Alimi.

Os europeus, em questão, fazem parte de uma ONG de cuidados médicos.

Os seis integravam um grupo de nove pessoas feitas reféns na região de Saada, feudo da rebelião xiita.

Os copos de outros três - dois alemães e uma sul-coreana - foram encontrados logo após o sequestro.

mou/mh/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG