Iêmen afirma ter matado chefe militar da Al Qaeda

Sana, 15 jan (EFE).- O chefe militar da organização terrorista Al Qaeda na Península Arábica, identificado como Qasim al-Rimi, morreu hoje em um bombardeio aéreo iemenita junto com outros cinco membros da organização, segundo a agência de notícias iemenita Saba.

EFE |

EFE ja/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG