Hu Jintao visitará o Japão entre 6 e 10 de maio

Tóquio, 22 abr (EFE) - O presidente da China, Hu Jintao, viajará ao Japão em visita oficial de 6 a 10 de maio, onde se reunirá com o primeiro-ministro japonês, Yasuo Fukuda, e com os imperadores japoneses, informou hoje o Ministério de Assuntos Exteriores chinês.

EFE |

A viagem, inicialmente planejada para aproximar as relações entre os dois países, foi adiada devido à tensão diplomática gerada por uma intoxicação de cidadãos japoneses após ingerir comida importada da China.

Os governantes devem discutir a qualidade dos alimentos importados da China, uma disputa por direitos de extração em campos de gás do mar da China Ocidental, e a situação do Tibete.

A viagem de Hu em 6 de maio será a primeira visita oficial ao Japão de um presidente da China em dez anos, depois da de Jiang Zemin em 1998.

Em 7 de maio, Hu se reunirá com Fukuda e, no mesmo dia, será recebido em audiência pelo Imperador Akihito e a Imperatriz Michiko, com os quais voltará a se encontrar à noite para um jantar de gala.

Segundo a "Kyodo", Hu deve voltar a se reunir com os imperadores no dia 9 de maio, antes de voltar à China.

O presidente da China deve discursar no dia 8 na Universidade de Waseda, após o que foi organizada uma partida de tênis de mesa na qual os dois governantes se enfrentarão, segundo a "Kyodo".

Além disso, as jogadoras profissionais de pingue-pongue Ai Fukuhara (Japão) e a campeã olímpica Wang Nan (China) participariam deste evento universitário e, segundo o jornal japonês "Yomiuri Shimbun", Hu poderia enfrentar Fukuhara em uma partida.

No dia 9 de maio, Hu visitará Osaka e outros lugares da região de Kansai (centro do Japão) antes de voltar à China e, possivelmente, deve ir ao bairro chinês de Yokohama e alguns templos da localidade japonesa de Nara. EFE icr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG