HRW denuncia chacina na República Democrática do Congo

Pelo menos 150 civis morreram nos dias 4 e 5 de novembro na cidade de Kiwanja, leste da República Democrática do Congo, a maioria executada sumariamente pelas forças rebeldes de Laurent Nkunda, denunciou a Human Rights Watch (HRW) em um relatório publicado nesta quinta-feira.

AFP |

"Trata-se da pior matança nos últimos dois anos na província de Kivu Norte", estimou a organização de defesa dos direits humanos com sede em Nova York.

A cidade de Kiwanja, capital de Kivu Norte, passou ao controle rebelde em 29 de outubro. As milícias pró-governamentais Mai Mai recuperaram por pouco tempo a localidade em 4 de novembro. No dia seguinte, o CNDP lançou uma contra-ofensiva, segundo a HRW uma operação brutal contra possíveis combatentes Mai Mai ainda na localidade.

chp/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG