Hotel de Nova York se recusa a receber Ahmadinejad

Um hotel de luxo situado em pleno coração de Manhattan cancelou uma reserva feita por iranianos para um banquete ao tomar conhecimento de que receberiam o presidente Mahmud Ahmadinejad, revelou nesta sexta-feira o New York Post.

AFP |


Segundo o jornal, o hotel Helmsley cancelou a reserva após ter descoberto na última hora que o polêmico presidente iraniano iria participar de um banquete durante a sua viagem a Nova York, na próxima semana, para participar da Assembleia Geral da ONU.

A sala de refeições havia sido reservada por uma organização estudantil iraniana há quatro meses. Mas, na quinta-feira, um grupo de pressão norte-americano chamado Unidos contra um Irã nuclear (UANI) informou ao hotel que Ahmadinejad seria o convidado de honra e advertiu para possíveis manifestações diante do estabelecimento.

"Quando a direção do Helmsley soube da possibilidade de a delegação iraniana (na ONU) ou de o presidente Ahmadinejad participarem de uma recepção no hotel Helmsley de Nova York, ela exigiu imediatamente o cancelamento dessa recepção", disse um porta-voz do hotel, Howard Rubenstein, citado pelo New York Post.

"Nem a delegação iraniana, nem o presidente Ahmadinejad são bem-vindos em um edifício pertencente ao grupo Helmsley", acrescentou.

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: ahmadinejadeuairã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG