Washington, 4 nov (EFE).- Os colégios eleitorais dos Estados Unidos fecharão hoje de forma escalonada, começando pela Costa Leste do país e terminando no Havaí, em um país com mais de 300 milhões de habitantes e seis fusos horários diferentes de votação.

Os EUA elegem hoje seu 44º presidente, renovam os 435 membros da Câmara de Representantes, 35 dos 100 senadores e 11 governadores.

Ao contrário das eleições presidenciais de 2000, quando o imbróglio durou 36 dias, e das de 2004, quando o resultado não se fez oficial até a manhã do dia seguinte, os observadores destacam que, desta vez, o nome do próximo presidente dos EUA pode ser conhecido antes da meia-noite (horário de Washington DC).

Boa parte dos analistas aponta que não existe nenhum cenário realista que permita ao candidato republicano à Casa Branca, John McCain, ganhar sem assegurar a Virgínia, estado onde o Partido Republicano vence desde as eleições presidenciais de 1968 e onde os conservadores vêem seu reinado ameaçado.

As urnas no estado são as primeiras a fechar, às 19h hora local (22h em Brasília), e se o candidato democrata, Barack Obama, vencer na Virgínia, seu caminho em direção à Casa Branca pode ser assegurado, segundo especialistas eleitorais.

Mesmo assim, analistas não acham que nenhum dos dois candidatos será capaz de alcançar os 270 votos do Colégio Eleitoral necessários para assegurar a Presidência antes das 2h (horário de Brasília).

HORÁRIOS DE FECHAMENTO (todos na hora de Brasília): 1.- 22h: Geórgia, Carolina do Sul, Vermont e Virgínia.

Em Indiana e Kentucky os últimos colégios fecham nesse horário, mas alguns farão isso antes, e as emissoras poderão fazer projeções sobre o resultado às 21h.0 2. 22h30: Ohio, Virgínia Ocidental, Carolina do Norte.

3. 23h: Alabama, Connecticut, Delaware, Distrito de Columbia, Flórida, Illinois, Maine, Maryland, Massachusetts, Mississipi, Missouri, Nova Jersey, Oklahoma, Pensilvânia, Tennessee.

Em New Hampshire, os últimos colégios fecham às 23h, mas outros poderão fazê-lo antes, e as redes podem fazer projeções às 22h.

4. 23h30: Arkansas.

5. 0h: Arizona, Colorado, Louisiana, Minnesota, Nebraska, Novo México, Nova York, Rhode Island, Dakota do Sul, Texas, Wisconsin, Wyoming.

Em Michigan, os últimos colégios fecham à 0h, mas outros podem fazer isso antes, e as redes de televisão podem realizar projeções às 23h.

6. 1h: Iowa, Montana, Nevada, Utah.

No Kansas, os últimos colégios fecham à 1h, mas outros fecharão antes, e as redes podem fazer projeções à 0h.

7. 2h: Iowa, Montana, Nevada, Utah.

No Kansas, os últimos colégios fecham à 1h, mas outros fecharão antes, e as redes podem fazer projeções à 0h.

8. 3h: Califórnia, Havaí, Washington.

Em Idaho, Oregon e Dakota do Norte, os últimos colégios fecham às 3h, mas outros fecharão antes, e as emissoras podem fazer projeções às 2h.

9. 4h: Alasca. EFE tb/wr/jp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.