Honduras diz que canalizará relações com Argentina através de Israel

Tegucigalpa, 18 ago (EFE).- O Governo de Honduras presidido por Roberto Micheletti anunciou hoje que as relações diplomáticas com a Argentina serão canalizadas através da embaixada desse país em Israel.

EFE |

A decisão diz respeito a uma medida recíproca, depois que Buenos Aires informou no último dia 13 que "a relação diplomática entre Argentina e Honduras será canalizada através da Embaixada de Honduras nos Estados Unidos".

Uma nota oficial da Secretaria de Relações Exteriores de Honduras à mesma pasta na Argentina notifica que, "dentro da mais estrita reciprocidade", o Governo de Micheletti decidiu que, a partir de hoje, a relação diplomática entre os dois países "será canalizada por meio da Embaixada da Argentina em Israel".

Acrescenta que o pessoal diplomático e administrativo, técnico e de serviço da Embaixada da Argentina em Tegucigalpa, "receberá por causa do fim de suas funções o mesmo tratamento, termo e facilidades outorgadas aos empregados e funcionários hondurenhos alocados na Embaixada de Honduras em Buenos Aires".

No último dia 13, o Governo da Argentina exigiu o afastamento em suas funções da embaixadora hondurenha em Buenos Aires, Carmen Eleonora Ortez Williams, "por apoiar o Governo de fato de Roberto Micheletti", confirmaram fontes oficiais no país sul-americano.

A solicitação de afastamento foi enviada depois que o deposto presidente de Honduras, Manuel Zelaya, pediu à Argentina que adotasse esta medida.

Os porta-vozes disseram que, de agora em diante, "a relação diplomática entre Argentina e Honduras será canalizada através da Embaixada de Honduras nos Estados Unidos". EFE gr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG