Honduras denuncia movimento de tropas nicaraguenses na fronteira

Tegucigalpa, 5 jul (EFE).- O novo presidente de Honduras, Roberto Micheletti, assegurou hoje que há movimentos de algumas tropas nicaraguenses rumo à fronteira e pediu aos líderes da Nicarágua, Daniel Ortega, e da Venezuela, Hugo Chávez, que respeitem a soberania de seu país.

EFE |

"Estamos informados de que no setor da Nicarágua estão se movimentando algumas tropas para a fronteira", disse Micheletti, que pediu a Ortega que "por favor respeite" a soberania de seu país.

"O mesmo digo ao presidente Chávez: que pare já de agredir nosso país como está fazendo através da imprensa", completou o governante hondurenho no início de uma coletiva de imprensa em Tegucigalpa.

No entanto, e após denunciar uma situação de "invasão psicológica", o novo chefe de Estado disse que poderia se tratar de "pequenos grupos de tropas, possivelmente sem autorização de seus comandantes", e explicou que "nem sequer cruzaram a fronteira".

"Somos um país pequeno, respeitoso das leis tanto nacionais como internacionais", assinalou.

Micheletti foi designado presidente no domingo passado depois que as Forças Armadas detiveram e expulsaram do país Manuel Zelaya, em uma ação condenada unanimemente pela comunidade internacional. EFE jlp/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG