Homens são mais felizes que mulheres após os 40 anos, diz estudo

Haia, 30 jul (EFE).- Um estudo de pesquisadores das universidades da Califórnia e de Cambridge concluiu que as mulheres são mais infelizes que os homens após os 40 anos.

EFE |

A pesquisa, elaborada por Anke Plagnol, da Universidade de Cambridge, e Richard Easterlin, da Universidade do Sul da Califórnia, aparecerá no próximo número da revista científica holandesa "Journal of Happiness Studies".

Segundo os autores, os resultados mostram que as mulheres são mais felizes que os homens no início de sua idade adulta, mas os papéis se invertem a partir dos 40 anos.

A pesquisa disse que, aos 41, a satisfação financeira dos homens supera a das mulheres.

Já aos 48, o sentimento masculino de felicidade também é superior. E a partir dos 64, o mesmo ocorre quanto à vida familiar.

Segundo o relatório, os homens experimentam seu período mais triste na juventude, quando geralmente preferem a vida de solteiros à de casados. Os especialistas explicaram que a felicidade se baseia nos pilares da família e das finanças.

O estudo também concluiu que homens e mulheres têm objetivos parecidos no campo do amor, já que nove em cada dez pessoas em ambos os sexos esperam chegar à idade adulta com um casamento feliz. EFE mr/rb/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG