Homens armados atacam mesquita e matam ao menos 10 na Tailândia

Bangcoc, 9 jun (EFE).- Pelo menos dez pessoas morreram e outras 19 ficaram feridas após um grupo de homens armados atacar uma mesquita durante a oração no sul da Tailândia, informou hoje a Polícia.

EFE |

O ataque cometido nesta segunda-feira por um grupo de cinco homens na província de Narathiwat foi o mais violento desde que a guerrilha voltou a pegar em armas em 2004, reavivando um conflito que, desde então, causou mais de 3.500 mortes.

Entre os mortos está o imame da mesquita, segundo fontes policiais, que asseguraram que os feridos se encontram em estado grave.

O ataque à mesquita ocorre após três dias nos quais as províncias de maioria muçulmana Narathiwat, Pattani e Yala registraram quatro mortos e 33 feridos em atentados cometidos por supostos integrantes da guerrilha islâmica, entre eles vários professores. EFE grc/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG