Onze pessoas, entre elas cinco terroristas, três mulheres e três crianças, morreram neste domingo depois que um homem-bomba detonou seus explosivos durante uma operação do Exército dos Estados Unidos em Mossul (norte do Iraque), anunciou o comando americano.

"Um terrorista detonou o colete de explosivos que usava neste domingo em Mossul (370 km ao norte de Bagdá) durante uma operação realizada por militares americanos para capturar uma pessoa", afirma um comunicado da coalizão.

"Os soldados americanos entraram no edifício em que se encontrava o terrorista. Foram alvos de disparos de armas leves e responderam. Um terrorista detonou pouco depois seu colete de explosivos na casa", acrescenta.

"Durante a operação morreram cinco terroristas, assim como três mulheres e três crianças".

"Outras duas crianças, uma delas ferida, foram encontradas perto da residência e levadas para um local seguro", prossegue a nota.

Os militares americanos informaram ter encontrado um esconderijo de armas leves e munições na casa.

hba/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.